Assembléia de Deus...

Como era legal essa igreja, tudo era tão amador, simples, foi crescendo, crescendo e se institucionalizando de tal forma que agora não passa de mais uma multi nacional cheio de burocracias, dogmas, nepotismos e muita politicagem.

Aliás, até erro em comparar com grandes empresas, que hoje buscam desburocratizar seus serviços, integrando equipes e valorizando seus profissionais além de terem que seguir as legislações trabalhistas, tributárias, etc...

A igreja presta conta do que para quem?

Quando tem um líder máximo é a farra do boi, o cara determina o resto fala amém!

E se não falar vai ficar ali, esquentando um banquinho ou simplesmente como um fantochinho em cima de algum púlpito...

A Bíblia que se lixe, o que vale são os acordos e a puxação de saco.

Será que não tem outra forma de administrar estes grandes ministérios?

Responda-me, por favor, qual é o problema em ter um revezamento democrático no poder maximo destas igrejas?

É mais fácil o boi voar....

Vendo os vídeos que postei e também outros comentários sobre as diferenças entre conamad e cgadb chego à conclusão que o nome mais correto para esta denominação seria: Assembléia foi de Deus

Sou de lá, conheço muita gente boa de Deus que sofrem de boca fechada pensando estar desta forma agradando a Deus.

Que o Senhor nos perdoe, que um dia este lixo todo seja varrido para longe dos arraiais assembleianos.


Com tristeza

Marcelo eee Eunice

Um comentário:

james disse...

.

Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados, irmãos Marcelo eee Eunice .

Fico imensamente alegre quando me deparo com um relato fidedigno como o vosso, pois, o que presenciamos nas AD’s é um conformismo que me deixa perplexo...

Muitos, como afirmam, sofrem de boca fechada, mas enganados, uma vez que, tornam-se coniventes com os que por hora, presidem os púlpitos assembleianos.

Creio que existem homens humildes que almejam os céus, mas, o que notamos, são mercenários, impondo impostos dizimistas na base do amedrontamento ante maldições!!!

Perdoem-me em ser extenso...

Mas, o que estamos presenciando nos púlpitos assembleianos é o que podemos definir pela teologia da confissão positiva, ou a da prosperidade, ou a consagração das ‘pastoras’, pois, o que presenciamos nestas, como tantas outras teologias, que procuram distanciar o homem da Salvação graciosa de Deus, se encaixa como luva nos púlpitos da grande maioria das Assembléias de Deus.

Continuarei afirmando o que sempre digo, o grande problema da maioria das Assembléias de Deus é o grande número de ‘pastores acadêmicos’, ‘pastores teólogos’...

Os grandes nomes assembleianos, que por sinal é o maior dentro os 'pregadores ilustres' da atualidade, divulgam a Palavra de Deus conforme seu bel-prazer, conforme lhes bem agrada, conforme seus fins lucrativos e suas posições hierárquicas, 2Timóteo 3.1-5.

Alguns do meio assembleiano rotularam-se entre meia dúzia de acadêmicos, faz lembrar-me o que disse o pr. Zwinglio, ‘sectaristas vaidosos que comungam com suas posições infantis e heréticas, pensam que são os donos da verdade, que são os melhores exegetas do mundo, que são o depósito da fé, que são os preferidos do SENHOR...’

... mas, sobre estes nos relata a Palavra de Deus “Que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade.” (2Timóteo 3.7)

Alguns assembleianos defendem ‘pastores/conferencistas’ pregadores da teologia da prosperidade como ilustres, defendem ‘pastores/lideres’ que se abstém de expor suas posições quanto às mulheres ‘pastoras’ para manterem suas posições eclesiásticas, e sobre estes homens meditando na Palavra de Deus, e, tomando a Palavra como nosso escudo da fé, ouviremos o que o Espírito nos diz “... Destes afasta-te.” (2Timóteo 3.5)

Amados, há na maioria das igrejas assembleianas, a falta de ‘Pastores Espirituais’ que defenda a fé em CRISTO, e JESUS como nosso ILUSTRE e AMADO SALVADOR, e estes ‘Pastores Espirituais’ não são lapidados em bancos de faculdade, estes ‘Pastores Espirituais’ são provados no “fogo”, fortalecidos em jejuns e orações, e, não em cursos e seminários de Teologia. A busca do conhecimento acadêmico teológico é conseqüência de uma vida em temor a Deus...

Verdadeiros Pastores que tenham na Bíblia seu único instrumento de justiça, verdade, entendimento e sabedoria, homens que não busquem a Bíblia para suporte de seus egos excêntricos, acadêmicos e exibicionistas.

Aliás, os grandes e ilustres pastores, pregadores e blogueiros intelectuais, assembleianos, deveriam ter a humildade que teve o grande profeta messiânico Isaías quando assim nos revela:

Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos fins da terra, nem se cansa nem se fatiga? É inescrutável o seu entendimento.” (Isaías 40.28)

Que Deus possa trazer entendimento a este povo assembleiano, e que ele, como Jesus Cristo, faça a diferença, ante o legalismo e o fundamentalismo exacerbado!!!

Nos interesses de Cristo e Sua Igreja.

Fraternalmente.

James.

Jesus, o maior Amor

.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...