"Jesus não fundou o Cristianismo"

Por: Bruno dos Santos Sementes da Palavra (via)Jesus, o maior Amor




Se você não sabia, fique sabendo!

Você sabia que foi apenas no ano 190 dC. que a palavra grega ekklesia, que traduzimos como igreja, foi pela primeira vez utilizada para se referir a um lugar de reuniões dos cristãos? Sabia também que esse lugar de reuniões era uma casa, e não um templo, já que os templos cristãos surgiram apenas no século IV, após a conversão de Constantino?

Você sabia que os cristãos não chamavam seus lugares de reuniões de templos até pelo menos o século V? Você sabia que o primeiro templo cristão começou a ser construído por Constantino, sob influência de sua mãe Helena, em 327 dC, às custas de recursos públicos, e sua arquitetura seguia o modelo das basílicas, as sedes governamentais da Grécia e, posteriormente, de Roma, e dos templos pagãos da Síria?

Você sabia que as basílicas cristãs foram construídas com uma plataforma elevada acima do nível da congregação e que no centro da plataforma figurava o altar, e à sua frente a cadeira do Bispo, que era chamada de cátedra? Você sabia que o termo ex cathedra significa "desde o trono", numa alusão ao trono do juiz romano, e, por conseguinte, era o lugar mais privilegiado e honroso do templo?

Você sabia que o Bispo pregava sentado, ex cathedra, numa posição em que o sol resplandecia em sua face enquanto ele falava à congregação, pois Constantino, mesmo após a sua conversão ao Cristianismo, jamais deixou de ser um adorador do deus sol? Você sabia que o atual modelo hierárquico do Cristianismo, que distingue clero e laicato, teve origem e ou foi profundamente afetado pela arquitetura original dos templos do período Constantino?

Você sabia que Jesus não fundou o Cristianismo, e que o que chamamos hoje de Cristianismo é uma construção religiosa humana, feita pelos seguidores de Jesus ao longo de mais de dois mil anos de história? Você sabia que o que chamamos hoje de Cristianismo está profundamente afetado por pelo menos três grandes eras: a era de Constantino, a era da Reforma Protestante e a era dos Avivamentos na Inglaterra e nos Estados Unidos? Você sabia que é praticamente impossível saber a distância que existe entre o que Jesus tinha em mente quando declarou que edificaria a sua ekklesia e o que temos hoje como Cristianismo: Protestante, Ortodoxo, Pentecostal, Neopentecostal, Pseudopentecostal e Católico Romano?

Você sabia que os primeiros cristãos se preocuparam em relatar as intenções originais de Jesus com vistas a estender seu movimento até os confins da terra? Você sabia que este relato está registrado no Novo Testamento, mais precisamente nos Evangelhos e no livro de Atos dos Apóstolos? Você sabia que o terceiro evangelho, Evangelho Segundo Lucas, e o livro dos Atos deveriam formar no princípio uma só obra, que hoje chamaríamos de "História das origens cristãs"? Você sabia que os livros foram separados quando os cristãos desejaram possuir os quatro evangelhos num mesmo códice, e que isso aconteceu por volta de 150 dC? Você sabia que o título "Atos dos Apóstolos" surgiu nessa época, segundo costume da literatura helenística, que já possuía entre outros os "Atos de Anibal" e os "Atos de Alexandre"?

Bem, se você não sabia...Fique sabendo...e pense muito sobre tudo isso!

Telenganadores e telenganados

Por: Blog do CiroVia:Veshame Gospel



O triunfalismo e a teologia da prosperidade continuam sendo usados para enriquecer telemissionários, teleapóstolos, telebispos e telepastores (que não pregam o evangelho de Cristo, poder de Deus para salvar os pecadores), os quais (aqui e na outra América) estão na mídia 24 horas por dia enganando os teleincautos.

Sabe qual é a telenovidade? Os telenganadores estão cobrando por mensagens enviadas ao celular dos telenganados! A moda agora é vender “palavras de vitória” por R$ 0,10. Parece pouco, mas imagine milhões de pessoas recebendo pelo menos cinco mensagens por dia!

O problema é que os teleagraciados, quando se cansam das mensagens triunfalistas — do tipo auto-ajuda barata —, encontram grande dificuldade para se livrarem da assinatura... Realmente, os telenganadores sabem explorar muito bem o lado interesseiro do ser humano (Jo 6.60-69) e sua ingenuidade.

Por que a maioria dos telepregadores não pregam o verdadeiro evangelho de salvação? Porque não querem perder a sua fonte de lucro. Eles têm como motivação o dinheiro e a fama; e por isso fazem qualquer negócio (2 Co 2.17). Valendo-se de palavras fingidas, como diz a Palavra de Deus, são capazes até de negar aquEle que os resgatou (2 Pe 2.1-3; Ef 5.5; 1 Tm 6.8-10).

Infelizmente, como disse o Senhor, nos tempos do Antigo Testamento, “... andam enganando o meu povo, dizendo: Paz, não havendo paz... Vós me profanastes entre o meu povo... mentindo, assim, ao meu povo que escuta a mentira” (Ez 13.10-19). Enfim, só há telenganadores por que existem muitos teledesconhecedores da Palavra de Deus.

Na defesa do evangelho (de acordo com Filpenses 1.16 e Tito 1.10,11, etc.),

É incrivel mesmo....



via: Púlpito Cristão

Eu, hein! Cada macaco no seu galho, hehe... Não obstante, ainda prefiro a recomendação paulina: "Mas faça-se tudo decentemente e com ordem" - 1Co 14.40
.

Apóstolos

Pois é, queremos ser os bonzões da vitória da prosperidade de termos tudo resolvido e sob controle em nossas vidas, esquecemos que conosco, não sera diferente do que com qualquer um, sentiremos medo, dor, falta de grana e um dia até de fé, e sob isto a bíblia diz que neste momento então, estaremos mais fortes e isto chama-se graça.

Estava pensando como os apóstolos viveram e morreram. segue um flash back, pode engolir a seco se quiser mais hoje é ridiculo ver pessoas que tem coragem de se intitularem apóstolos, é ter muita cara de pau.

Queria ver se teriam coragem para enfrentar a barra que aqueles homens encararam, todos que seguiam Jesus morreram como mártires, exceto dois: Judas Iscariotes, que traiu Jesus e acabou se enforcando, e João, que após ser exilado na ilha de Patmos, obteve a liberdade e morreu de morte natural.

Os apóstolos de hoje querem luxo, grana, status, manipulam a massa para dominar e assim dão continuidade a um cristianismo doente, longe dos ensinos biblicos, o que pra eles pouco importa.


PAULO, que não era apóstolo oficialmente, foi considerado apóstolo do gentios por causa da sua grande obra missionária nos países gentílicos. Foi decapitado em Roma por ordem de Nero.

MATIAS, que ficou no lugar de Judas Iscariotes, foi martirizado na Etiópia.

SIMÃO, o zelote, foi crucificado.

JUDAS TADEU morreu como mártir pregando o evangelho na Síria e na Pérsia.

TIAGO (o mais jovem), pregou na Palestina e no Egito, sendo ali crucificado.

MATEUS, morreu como mártir na Etiópia.

TOMÉ pregou na Pérsia e na Índia, sendo martirizado perto de Madras no monte de São Tomé.

BARTOLOMEU, serviu como missionário na Armênia, sendo golpeado até a morte.

FILIPE, pregou na Frígia e morreu como mártir em Hierápolis.

ANDRÉ, pregou na Grécia e Ásia Menor. Foi crucificado.

TIAGO, (o mais velho) pregou em Jerusalém e na Judéia. Foi decapitado por Herodes.

SIMÃO PEDRO, pregou entre os judeus chegando até a Babilônia, esteve em Roma, onde foi crucificado com a cabeça para baixo.

a Verdade assusta + faz um bem....

Por:O Bereano




Não sou "caçador" de Deus, pois só caça a Deus quem rejeita a Graça;
Não caio na unção, Não creio na teologia da prosperidade,
Não creio que precise perdoar a Deus, Não creio em quebra de maldição,
Não creio em dança profética, Não creio em ato profético,
Não creio nesses apóstolos por aí, Não vivo babando Israel,
Não estou a fim de ir ao encontro, Esposa de pastor não é pastora,
Não sou do G12 e nunca vou ser do G12, As músicas do G12 são chatas e repetitivas, O povo do G12 fala muito em dinheiro, O óleo é bom para tempero, Deus não precisa do Cesar Castellanos, Rick Warren e de ninguém, René Terra Nova e Estevam Hernandes não são apóstolos, Sonia Hernandes não é bispa (nem existe essa palavra), Valnice Milhomens prega mal e é herética,
Não gosto do "diante do trono [de qual trono?!?]", a Ana Paula Valadão chora muito [e anda de quatro], O G12 não é o instrumento de Deus para o avivamento,
As igrejas G12 não são melhores que as outras, A teologia doente do G12 é herética. Não gosto do "Mala" faia [afinal, de que lado ele está???!!!], Não suporto "levitas" e muito menos "louvor extravagante"

As profecias sobre os últimos dias estão se cumprindo. Os "amantes de si mesmos" estão lotando "igrejas". Os "gananciosos" estão abrindo mais e mais "shows da fé". Os "presunçosos" a cada dia tem se enchido de títulos "apostolátricos" e "bispolátricos", tornando-os "soberbos", "blasfemos", e todas as demais características dos últimos dias, referidas por Paulo no capítulo 3 de sua Segunda Epístola a Timóteo. Está muito claro. Claríssimo. Só não enxerga quem não quer ver. Cegos guiando cegos! Se isto está se cumprindo, temos a certeza, que as demais também se cumprirão em breve. Muito breve mesmo Jesus voltará!

Descansando....



Via: Descanso da Alma

Às igrejas de classe média



Fonte:Cristianismo Hoje Via: Práxis Cristã

Eugene Peterson

Uma mensagem da parte do Filho de Deus, Jesus, a quem vocês chamam de mestre e o qual chama vocês para segui-lo.

Minhas igrejas de classe média: vocês são uma das maravilhas do mundo – nunca houve nada exatamente como vocês. Que energia, que entusiasmo e generosidade! E o que é melhor: vocês são honestos.

A hipocrisia tem sido sempre um grande problema com o qual tenho de lidar e, a bem da verdade, não espero jamais erradicar este mal. No entanto, entre vocês, ele não é freqüente.

De todas as formas de fingimento, o fingimento religioso é o pior. Felizmente, eu não encontro muitos fingidos entre vocês.

Tenho, no entanto, algo a lhes dizer: vocês se impressionam demais com Tamanho, Poder e Influência. Vocês são impacientes com os pequenos e os vagarosos.

Vocês não discernem muito bem entre os caminhos do mundo e os meus caminhos. Aborrece-me o fato de que vocês copiam de modo acrítico as atitudes e os métodos que fazem suas vidas nos bairros nobres e afluentes funcionarem tão bem.

Vocês se apegam a qualquer coisa que funcione e tenha boa aparência. Vocês fazem muitas coisas maravilhosas, mas com exagerada freqüência vocês as fazem à maneira do mundo ao invés de fazê-las à minha maneira; e isto compromete seriamente a sua obediência.

Eu entendo porque vocês procedem assim: a maioria de vocês tem sido bem-sucedida no mundo – vocês moram em boas casas, são bem instruídos, bem remunerados, bem vistos; portanto, é natural que vocês coloquem a meu serviço os valores e métodos que lhes serviram tão bem.

Mas vocês não se dão conta de que qualquer sucesso que tenha sido alcançado, através de tais atitudes e métodos, foi conquistado a um preço terrível? Despersonalizando e reduzindo pessoas a funções; transformando virtualmente tudo em causas ou mercadorias a serem usadas ou consertadas ou consumidas; fazendo de tudo para manter o sofrimento a uma certa distância de vocês?

As igrejas de vocês estão lotadas, funcionam bem e têm a capacidade de fazer quase qualquer coisa acontecer.

Mas agora eu lhes pergunto: vocês honestamente acham que isto era o que eu tinha em mente quando lhes disse “Sigam-me” e depois me dirigi para o Gólgota, em Jerusalém?

À igreja que não apenas acredita no que eu digo, mas segue o meu exemplo e faz as coisas que eu faço, eu darei uma vida simples e arrumada – que é hospitaleira para com os homens e mulheres deste mundo, que caminham sem rumo e desorientados, apressados e malquistos.

Eu desejo usar vocês para dar a estas pessoas um pouquinho de Sábado e céu.

Vocês estão ouvindo? Realmente ouvindo?

Confiança nas Instituições

Por:Marina ItoVia: dLIVEr blog

Pesquisa feita pela Fundação Getúlio Vargas, apresentada pelo conselheiro Joaquim Falcão, do Conselho Nacional de Justiça, revela que a sociedade reconhece a importância do Judiciário, mas quer agilidade. A pesquisa foi apresentada para os presidentes dos Tribunais de todo o país, no 2º Encontro Nacional do Judiciário, em Belo Horizonte.




A pesquisa de opinião, feita com 1.200 entrevistados, mostra o Judiciário está em 9º lugar entre 17 instituições no índice de confiança. Em relação à confiança em profissionais, os juízes ficam em quinto lugar. A pesquisa revela que em primeiro estão as Forças Armadas, seguidos das escolas, Policia Federal, Ministério Público, o presidente da República, a Igreja Católica e, em penútimo lugar a Justiça e, em último, as Igrejas Evangélicas.


Opinião do blog:
Porque sera que estamos tão desacreditados assim ? Pelo fruto estamos vendo como esta a "igreja" hoje!

Que Jesus é esse?



Jesus malucão ?
Para alguns Jesus nao passa de um mito
Para outros um revolucionario
Para outros apenas um fraco lider politico
Para a maioria dos historiadores apenas uma figura lendaria
Para os tjs (testemunhas de Jeova)apenas um deus
Para o Islamismo apenas um profeta menor do que Maome
Para o catolicismo o filho da mae de Deus
Para os adeptos da teologia da prosperidade uma mercadoria
Para os membros da teologia do triunfalismo alguem que podemos manipular e mandar
Para os adeptos das igrejas neo-pentecostais apartir da decada de 90 ele é um maluco beleza
Para os salvos ele e: Jesus Cristo salvador e Senhor
Lucas 6:46, E por que me chamais: Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu vos digo?
E para você quem ele é ?

Créditos: Exejegues

Um ano blogando.....

Desde Março de 2008, motivamos debates sobre o tema igreja x Igreja, muito do que escrevemos até aqui foi conseqüência daquilo que vivemos dentro da instituição apelidada igreja.

Como mulher, nascida em berço evangélico em uma época que nada podia (e bota nada nisso) sou testemunha das mudanças vividas nas igrejas e na postura dos líderes, pastores e agora bispos, apóstolos, reverendos, papapóstolos, pagés, semideuses e superstars da fé,por isto escolhi dar continuidade no tema Igreja, falando sobre os seus reais propósitos.

Alguns ensinos Bíblicos sumiram de nossos púlpitos, para juntar-se a Ele,tem que pagar, a expressão descanse Nele, crendo que tudo já foi pago,desapareceu, a melhor forma de agradá-lo já não é mais amar nosso próximo e a sua Palavra, é pague o seu dízimo, não perca cultos, esteja sempre a disposição de seu líder, não questione, não pense.

Alguém pode achar que estou exagerando, porém basta freqüentar alguns cultos para ver que o ensino recebido vai para bem longe daquele ensinado por Cristo.

O fiel é induzido para uma série de costumes e obrigações que a cada dia vai cegando o entendimento da graça e da misericórdia, aquele engano vai se tornando verdade e dificilmente a pessoa ira libertar-se, o que ocorre é que esta pessoa ontem leiga, doutrinada desta forma, amanhã será mais um que estará oprimindo e ensinando erroneamente, por crer esta ser a verdade absoluta.

O “ajuntamento” de crentes vai tendo o seu propósito mudado, os temas que mais explorados são:

Campanhas de revelação e curas baseadas na troca de grana por bênçãos.
Campanhas de prosperidade, aonde quem dá mais no envelopinho é o exemplo de fé perante a igreja.
Disputa de cargos, figuras que na igreja sentem-se executivos de Deus, aquele que prende e manda soltar puxa tanto o saco que toda hora é lembrado pelo pastor como exemplo, e pelos irmãos como o mala...
Outros têm grana, poder,então rapidinho o cara esta lá em cima do púlpito, vira pastor, apóstolo, bispo,reverendo e até deus se bobear.

De nossa parte resta-nos comemorar a alegria de viver em Cristo de forma livre, não esperando validações de ninguem, felizes por termos descoberto que em Cristo tudo já foi pago, finalizado... e agora o que Ele quer de nós além de sinceridade ?

Tem que ser muito cego para achar que algo pode substituir a cruz, o sangue Dele, tem que ter muiittaaa falta de entendimento na Bíblia, para achar que votos, dinheiro e outras coisas nos trarão privilégios ou proteção especial....

A maioria das pessoas sabem que estão no caminho da barganha, sabem que isto vai condena-los, quem leu a Bíblia um pouquinho que seja, não esta mais inocente, mais preferem o já, que sejam cheios de proteção, saúde, dinheiro e de animo para fritar por toda eternidade....

Um aninho.... Caminhando na Graça, de graça!

Eunice eeee Marcelo

Zona Gospel

Por: Por Leonardo G. Silva - Th.M Púlpito Cristão



Que o marketing religioso está super na moda, isso eu já sabia. E que segundo algumas denominações evangélicas vale tudo para alcançar novos "convertidos", disso não há dúvida. O que eu não sabia é que o Vale Tudo agora é literal! É isso mesmo: o côuro come e o pau quebra antes do culto da igreja Renascer em Alphaville, na Grande São Paulo.

"Queremos atrair mais jovens", conta o bispo Leandro Miglioli, 33, de jeans e camiseta polo. Sem álcool e cigarro, mas com a pancadaria tradicional do esporte, o festival reuniu frequentadores de academias da região para se enfrentarem no ringue colado ao altar. O público (bermuda, chinelo, tatuagem) vibrava.

O locutor do embate ficava no "palco" onde os pastores fazem as pregações. Na pausa para louvor no mesmo local, o pastor Mazola (cabeça raspada e camiseta regata de lutador) contou que já foi usuário de drogas e convocou os presentes a se converterem. Culto encerrado, a luta continua -até depois das 3h30, cinco horas após começar. Satisfeita, a igreja fará outro campeonato de Vale Tudo ainda neste ano.

A justificativa quase sempre é a mesma: estratégia. Porém, ao menos segundo o que me consta, a estratégia de Jesus e de seus discípulos sempre foi pregar a Palavra. O evangelho ainda é poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê, mas os evangelistas modernos especialistas em marketing igrejeiro descobriram que dourar a pílula costuma ser uma estratégia ainda mais eficaz.

Já temos danceteria gospel, barzinho gospel e agora selvagería no altar liberada. Me pergunto quanto tempo mais teremos que esperar para encontrar por aí uma Zona (casa de prostituição) gospel, ou uma boca-de-fumo cristã?

Não gostou da minha "notinha"? Que pena! Talvez você prefira assistir o treino de Jiu-Jitsu na Renascer, duas vezes por semana, lá em Alphaville. Eu, porém, prefiro a simplicidade do evangelho. E tenho dito.


Ps... o título é nosso rsrsrs, alías já ta cheio por ai, parabéns aos manos do púlpito Cristão pela matéria

Enquanto isso na sessão do descarrego !!



(Via)VESHAME GOSPEL

Aprendendo o Bereanes....

Fonte:Folha/ Uol (Via)Bereianos




Um dos maiores absurdos que eu vi até hoje. Estão vendendo a Fé (literalmente)! A afirmativa deles de que "a Igreja é uma empresa" e que o "estoque são as almas" é uma verdadeira aberração! Tratar a Igreja como empresa é "vender" a Palavra de Deus para benefício próprio!

É um erro gravíssimo transformar a Igreja em "templos/empresas", pois na Bíblia a palavra original para Igreja (Ekklesia) nunca foi direcionada para "templos físicos" e sim para pessoas. As pessoas que compõem a igreja formam uma comunidade e não uma corporação de negócios. Claro que temos que ter organização no local onde se realiza a concentração da Igreja, porém transformá-lo em empresa é totalmente fora dos propósitos Bíblicos.

Agora pasmem! O conteúdo do curso chega ao ponto de afirmar que o pregador deve pregar a Palavra de acordo com a "vontade do público"! Será que o Evangelho age desta forma? O evangelho agora tem que ser conveniente à vontade humana?

Que absurdo, custei a acreditar quando vi esta matéria publicada no site da Folha. Mas infelizmente é verdade. E olha que a reportagem é de 2006, porém até hoje o "seminário" continua a oferecer tais "cursos relâmpagos" e "títulos eclesiásticos" por correspondência.

Bom, eu prefiro ficar com o que é corretamente Bíblico e meditar nas palavras do Apóstolo Paulo sobre este assunto:

"Porque nós não estamos, como tantos outros, mercadejando a palavra de Deus; antes, em Cristo é que falamos na presença de Deus, com sinceridade e da parte do próprio Deus." 2 Co 2:17

Ruy Marinho - Blog Bereianos

A Igreja na TV

Por: Desperta Igreja



Assistir aos vários programas de TV feitos por algumas Igrejas tem sido um verdadeiro sofrimento.Um espaço onde as Igrejas poderiam aproveitar para alcançar vidas com um evangelismo bem feito, têm sido pessimamente usado pelas mesmas.

Lógico que não está em discussão a forma como cada uma apresenta seu programa: testemunhos, cultos ao vivo, louvor ou pregação da Palavra(o que é raro, diga-se de passagem) etc.

Mas é preciso que haja um pouco de bom senso, pois confesso que fico assustado com a “criatividade” de muitos em tais programas.

Têm de tudo. Um verdadeiro show de ensinos confusos e sensacionalismos dos mais variados: rosa branca, perfume santificado, anel da sorte, portão do amor, oração forte, oração fortíssima.

Tem que pisar em tapetes da vitória, usar a vara de Arão, cajado de Moisés, unção nas costas, unção nos pés…

Tem atendimento especializado, onde o pastor vai atender o fiel, todo vestido de branco, numa mística esquisita, que têm até fundo musical com um som meio que assustador, parecendo que foi tirado da trilha sonora de algum filme de suspense do Alfred Hitchcock.

Às vezes paro para refletir quando vejo tais situações e fico me perguntando: até onde irá a “criatividade” dessas Igrejas?

O que ainda falta para introduzirem dentro da Igreja de Cristo? Qual o intuito real dessa parafernália gospel?

Em que evangelho está inspirado quem criou essa salada de ensinos que invade a maioria de nossas Igrejas?

Enfim, um sensacionalismo barato e o marketing mundano, infelizmente está tomando o lugar da pregação da Palavra, da oração e do evangelismo, atraindo sim multidões, mas formando poucos discípulos de Cristo.

E como disse no início do artigo: a TV deveria ser um espaço muito bem usado para alcançar vidas, e tem sido transformado num verdadeiro ringue, onde vale tudo para aumentar o número de fiéis das Igrejas.

Assusta ver tanto show e tantos ensinos esquisitos sendo mostrado na TV e às vezes servindo mais para ridicularização do evangelho que edificação das pessoas.

Lógico que há exceções, mas o que vemos entre a maioria dos programas é uma verdadeira luta para ver quem deixa o nome do seu ministério em mais evidência.

Sinceramente, a situação é lamentável.

Conquistando clientes, digo fiéis



créditos:Tomei a pílula vermelha

DEZ REGRAS PRÁTICAS DO "AVIVAMENTO GOSPEL"

Por:Levi Bronzeado Ensaios & Prosas via:Púlpito Cristão



1.Ficar sempre atento à programação midiática gospel dos meios de comunicação, a fim de não faltar aos shows e congressos de avivamentos “inspirituais” programados em seu Estado. Se possível freqüente essas seções diariamente. Quanto ao estudo da Palavra, basta apenas aquela horinha na escola bíblica dominical.

2.Não quebre a cabeça com estudos bíblicos demasiados longos, principalmente àqueles que exigem uma infinidade de obras para consultar, como livros de História, de Geografia, de Filosofia Cristã, de Teologia e outras “gias”, além de enciclopédias e dicionários. Nas livrarias gospel você já encontra tudo mastigadinho para o seu crescimento espiritual, sem necessidade de forçar a mente. Lá você pode adquirir pacotes de “pague 3 e leve 4”.

3.Se tiver que decidir entre um “show de avivamento” e uma reunião de estudo bíblico, não vacile escolha o primeiro. Afinal, a nossa vida aqui é tão curta, e esse negócio de estudo pode prejudicar a saúde mental, principalmente daqueles que já ultrapassaram os 45 anos.. Veja e compare: aqueles que saem dos retetés de avivamento apresentam-se alegres e de faces radiantes, enquanto aqueles que saem do estudo das Escrituras Sagradas apresentam-se cabisbaixos, apáticos e com cenhos franzidos, como se tivessem acabado de assistir a uma sessão de tortura.

4.Nos grandes congressos e festas gospel use ao máximo, o som esfuziante das bandas de forró, axé e frevo. Não deixe a multidão “paradona”. Incentive as palmas, os gritos dos bordões evangeliquês, os pula-pulas, os cai-cai, etc.

5.Se você é o preletor oficial, nunca deixe de suar a camisa, e se possível o paletó. Nunca deixe de imprimir aquele vozeirão dramático e tonitruante. Se a platéia se mostrar fria, exerça os seus dons teatrais, como pulos, cambalhotas, sapateados e lançamentos de bíblias ou lenços, que você tão bem ensaiou.

6.Não deixe de comprar em nossas livrarias, os famosos livros de marketing sobre pregações para multidões, como os recentemente publicados: “Como Inflamar as Multidões” ─ de Flamarion Nazareno; e o best-seller: "Cem Conselhos para Incendiar as Igrejas"─ de Pinto Sette e Caio Botafogo.

7.Os organizadores dos shows de avivamento gospel, não podem em hipótese alguma, reservar muito tempo para a exposição da Palavra de Deus. Os sermões longos causam enfado e deixam as multidões sonolentas.

8. É patente e notório que, se você quiser ganhar um maior número de almas para seu rebanho, deverá pregar mais sobre Apocalipse, enfatizando com cores fortes, o terror do fim do mundo e do inferno. As pessoas temem muito o castigo final, e consequentemente, vão procurar ligeirinho, uma igreja para se congregar.

9. Não esqueça o que preconiza o marketing da “Hora do Apelo”. O mesmo deve ser executado com muito esmero. Intensa e solene dramatização, ao som de “corinhos” e de uma suave e crescente pressão dos auxiliares junto ao assustado pecador, para que “livremente”, ele se dirija ao púlpito, a fim de ser contabilizado para a honra e glória do pregador.

10.Após o término dos shows, todos deverão procurar as nossas barracas de cds, vídeos, camisetas, revistas, sandálias, toalhas, pratos, chaveiros, bolsas e bonés com versículos bíblicos e emblemas judaico-cristãos, a fim de adquirir um ou mais objetos para se guardar como recordação. OBSERVAÇÃO: levem sempre algum dinheiro na carteira, pois não aceitamos cheques ou cartões de crédito

Medidor de bondade



peguei no Práxis Cristã

Vigiai



Achei no:debate cristão

Deus é Amor

1 João 4:7-9

"Amados, amemos uns aos outros, porque o amor é de Deus, e todo aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus.
Aquele que não ama, não conhece a Deus, porque Deus é amor.
O amor de Deus para conosco manifestou-se no fato de Deus ter enviado seu Filho unigênito ao mundo para que vivamos por meio dele."

Precisamos resgatar a idéia do amor!
Hoje queremos vitória, prosperidade, emprego, casa, carro, etc... Não existe mais a busca: Senhor eu quero amar mais!

Quais foram os dois maiores mandamentos ?
Amar a Deus e ao próximo.

Aquele que ama conhece a Deus, qual a maior evidência de que conhecemos a Deus?
É amando! Então, quem não ama não conhece a Deus!

E qual é a evidência que Deus nos ama?

Romanos 5:8

"Mas Deus prova seu amor para conosco ao ter Cristo morrido por nós, quando ainda eramos pecadores"

Alegre-se Jesus te ama, ame também!!!

Eunice

Clientes da Graça....

Escrevemos não como observadores, mais como pessoas que vivem dentro da instituição a mais de trinta anos, conhecemos bem as alegrias de estarmos em uma igreja bem conduzida, aonde o líder mostra-se uma pessoa séria, honesta e preocupada em ajudar suas ovelhas e também as decepções de uma igreja mal conduzida no qual o fruto é muita frustração, brigas, traições, etc.

Não se ensina ao crente o que é graça e misericórdia, mais não faltam dicas para ensinar o cliente, ops desculpem, o fiel a exercitar a fé, fazer sacrifícios (financeiros), dar dízimos, levantar ofertas, colaborar sempre e de forma cega com a visão do seu líder, submetendo-se a liderança sem questionamentos.

Cristo revoltou-se contra a mentira dos “administradores” do Templo, opôs - se as alianças com os religiosos, não aceitou nada que o desviasse da vontade de seu Pai. Por este fato, tornou-se clandestino, perseguido e perigoso.

Um blogueiro escreveu: “Conhecereis a Verdade e ela vos assustará”

A Verdade assusta, mais quem luta por ela do que quem a omite, porém ela sempre prevalece, todos sem exceção desceremos a sepultura e teremos que prestar contas daquilo que fizemos por aqui, ai não terá espaço para mentiras, toda verdade será descoberta.

Como brinca Caio Fabio: “o rato não pode ter espaço para manobrar”

Hoje nossas igrejas estão infestadas de ratos, e com bastante espaço para manobras das mais incríveis, são verdadeiros artistas, mágicos em arrancar a grana e a alma de seus expectadores.

Em Miquéias 3:9 lemos:¹
Ouvi agora isto, vós chefes da casa de Jacó, e vós maiorais da casa de Israel,que abominais o juízo e perverteis tudo o que é direito...
Os seus chefes dão as sentenças por suborno, e os seus sacerdotes ensinam por interesse, e os seus profetas profetizam por dinheiro, e ainda se encostam no Senhor, e dizem: Não esta o Senhor no meio de nós?

É justamente este clima que esta contaminando a maioria das lideranças religiosas deste século.


Abração galera

Eunice

¹V. Bíblia de referência Thompson , p. 840

A Igreja Original (2)

O culto cristão era relativamente simples.

No principio os cristãos se reuniam para adorar em casas particulares.

Depois começaram a se reunir também em cemitérios, como as catacumbas romanas. No século terceiro já havia lugares dedicados especificamente para o culto.

Com a chegada de Constantino, abraçando o cristianismo o culto simples começou a mudar sob influência de protocolos imperiais.

Sob este fato e o surgimento de igrejas luxuosas com mega estruturas, Justo L. Gonzalez, acrescenta:

“Os cristãos tinham se acostumado a comemorar o aniversário da morte de um mártir celebrando a ceia no lugar onde ele estava enterrado, então Constantino ordenou a construção de igrejas em muitos destes lugares, não demorou muito para que as pessoas pensassem que o culto teria significado especial se celebrado em uma dessas igrejas, por causa da presença das relíquias do mártir”¹

Logo, começaram a desenterrar os mártires para colocar seu corpo ou parte dele sob o altar de várias das muitas igrejas que estavam sendo construídas.

Logo também, pessoas surgiram afirmando terem recebido revelações dos mártires até então desconhecidos ou quase esquecidos.

Começaram então a atribuir poder milagroso a essas relíquias,e dali para a veneração e depois para a adoração foi uma distância bem curta.

Em pouco tempo a igreja perseguida passou a ser a igreja dos poderosos, com luxuosos templos, o resultado disto foi o surgimento de líderes cada vez mais políticos distantes dos cristãos e dos propósitos de Cristo.

A igreja então começou a imitar os costumes do império não só em sua liturgia,mas também em sua estruturação social.

Mudaram o foco, negligenciaram e esqueceram-se da igreja primitiva a porta estreita de que Jesus falará se tornara tão larga que uma multidão passava por ela, a maioria em busca de posições e privilégios, sem ter uma idéia do que é fé Cristã.

Os anos passaram, impérios caíram, povos foram extintos outros apareceram, surgem as superpotências, nasce a tecnologia a evolução, a ciência se desenvolve o homem conquista a Lua e esta a caminho de Marte, muita coisa mudou do ano 1 para 2009, porém os atos de Cristo sobreviveram a tudo isto e continua a ser um divisor de águas hoje.

Deus assim quis, que hoje tivéssemos acesso a informações essenciais para nossa Salvação, o mapa para isto, a Bíblia, resistiu...

Desacreditada por uns, mal falada por outros, ela continua sendo a bussola para o ser humano encontrar Deus, acontece que este livro tão precioso, que nos trás o maior registro do que Deus quer de nós, que nos dá o privilegio de sabermos com riquezas de detalhes o que Cristo, Deus encarnado veio ensinar esta sendo desprezado pelos “profetas”, pastores e líderes religiosos de nosso tempo.

Como naquela época, nossos líderes estão cada vez mais políticos e cada vez mais distantes dos cristãos e dos propósitos de Cristo.


Continua....

Marcelo & Eunice

¹ Justo L. González, Uma História Ilustrada do Cristianismo Vol.2, p. 38

Maluquices no meio "gospel".



Autor do video: Ismael Moura


Estes fatos relatados no video infelizmente estão impregnados em muitas igrejas pelo Brasil, um Cristianismo místico baseado em versículos distorcidos onde fundamentam as mais absurdas maluquices já vistas no nosso meio. Cabe a nós defendermos o Evangelho verdadeiro, o Cristianismo autêntico e Bíblico.


(Via) Bereianos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...