Qual missão da Igreja? “2”



Queridos leitores

 

Semana passada publicamos uma reflexão sobre: Qual é a missão da Igreja?

 

Em continuação ao tema estamos divulgando um comentário de nosso irmão Betinho, leiam com atenção e reflitam sobre o assunto


Fica aqui registrado nosso agradecimento ao irmão Betinho pela ajuda de sempre : )


Na fé

 

Marcelo e Eunice


 

Qual missão da Igreja ? “2”


Confesso aos irmãos que sempre que "MISSÕES" é o assunto em questão, a primeira coisa que me vem na cabeça são as palavras que ouvia nos congressos pentecostais de missões: "EU ESTIVE LÁ!!!" (nesse caso, o missionário estava dizendo que esteve na ÁFRICA, fazendo a tal missão").


Acredito que por esse motivo a palavra "missão" acabou se tornando para mim sinônimo de "viagem para bem longe" (... e bem longe do meu alcance).


Que bom que os irmãos do blog de forma simples e objetiva voltam a falar de missões, colocando os pingos nos ís.

 

Assim, após meditar na matéria postada, acabei buscando a opinião de outros autores:

 

Para Louise Adamson "nós é que dificultamos demais as missões e que missões é apenas uma questão de viver para Deus e amar os que estão à nossa volta".


Douglas Welster em YES TO MISSION aborda o tema de forma convincente: "nos padrões bíblicos, o servo deve sofrer e isso faz a missão ser efetiva. Toda forma de missão leva a alguma forma de CRUZ. Só podemos entender missão nos termos da CRUZ".

 

Em “O DISCÍPULO RADICAL", John Stott escreve que nossos esforços evangelísticos são frequentemente desastrosos, principalmente porque NÃO PARECEMOS com o CRISTO que proclamamos".


Para Stott, "quando os cristãos se importam com os outros, e com os pobres, Jesus Cristo se torna mais visível".

 

John Poulton na obra “A TODAY STORT OF EVANGELISM" afirma que a pregação mais eficaz provém daqueles que vivem conforme aquilo que dizem. Eles próprios são a mensagem. Os cristãos têm de ser SEMELHANTES aquilo que falam".


Concluindo: Como Igreja de Cristo tenho a missão de fazer a diferença em todo tempo e lugar.

 

Nesse mundo, ser DIFERENTE é ser IGUAL a Cristo, afinal, se digo que permaneço em Cristo, preciso andar assim como Ele andou... E por onde Ele andou Ele AMOU o seu próximo de forma incondicional.

 

Hoje sei que não preciso ir até a ÁFRICA para cumprir a missão de AMAR ao meu próximo.

 

“Nisto sabemos que estamos Nele: aquele que diz que permanece nele, esse deve também andar assim como Ele andou" I João 2.5,6.

 

Um forte abraço aos irmãos do blog.


 


 


 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...